O Destino

du

O que estabelece o tipo de destino do ser é a sua posição ao longo do caminho, a altura evolutiva em que o ser está situado conforme pertença a um ou outro destes três níveis, correspondendo um proporcionado destino, ou seja, que os três níveis evolutivos e correlativos tipos biológicos correspondem três tipos fundamentais de destino, que mudam com a evolução do ser.

Muda com isso os valores, a ética e correlativa conduta, muda o diferente grau de conhecimento e com isso a responsabilidade, porque, pelo fato de que a posição do ser na escala evolutiva é diferente segundo o tipo, é diferente também o caminho a percorrer, o tipo de experiências úteis para evoluir, o trabalho construtor a realizar, e a lei que o dirige.

Não há dúvida de que o fato do indivíduo estar situado num dado nível de evolução e correlativo plano de existência, e representar um dado tipo biológico, estabelece, a priori, quais devem ser o modelo e as características fundamentais do seu destino, que segue um caminho próprio, que representa o seu destino particular.

Para o entender é necessário antes de tudo estabelecer qual é o nível evolutivo e o correlativo tipo biológico, porque é dentro desse quadro geral que fica situado o do destino individual do ser.

Assim teremos agora de voltar ao estudo da personalidade humana, para aprofundar o nosso conhecimento das leis que regem o processo da sua construção e, com isso, o desenvolvimento do seu destino individual.

Para realizar a construção da personalidade, que representa o trabalho da evolução em nossa fase atual, a inteligência da vida usa o método da transmissão ao subconsciente, pelo qual experiências e soluções, pelo fato de terem sido longamente repetidas por se terem demonstrado úteis à sobrevivência, tendem automaticamente a continuar-se repetindo, pela velocidade adquirida, impulsionando o ser a prosseguir na mesma direção.

Com esse método o homem, como também os animais e qualquer forma de vida, vai, com a sua experimentação, aprendendo sempre e com isso adquirindo novas características inatas, impulsos instintivos, que dirigem cada nova existência terrestre.

Então, cada indivíduo, com o nascimento, traz consigo um impulso que o impele para uma direção já assinalada, consequência fatal das experiências realizadas, do tipo e velocidade das forças lançadas nas vidas precedentes.

Este patrimônio de conhecimento adquirido no passado constitui a verdade axiomática oferecida pelo instinto. Ela está acima da razão e vale mais que esta, porque representa o produto de uma experimentação prática, realizada em contato com a realidade dos fatos.

A razão faz pesquisas, explorando por tentativas o novo desconhecido, o qual poderíamos dizer que é o método experimental que a ciência representa, num nível mais elevado, a continuação do método experimental que a vida já usava para construir a sabedoria, da qual o ser precisa para resolver o problema da sobrevivência.

Tal impulso, a continuar na mesma direção, apesar de dificultado pelas resistências do ambiente e corrigido pela reação da Lei, o que estabelece a base do destino de uma vida, destino que assim propenderá a se realizar na direção seguida no passado. É por isso que há acontecimentos que parecem realizar-se por vontade própria.

O que constitui essa vontade é a velocidade adquirida que continua impulsionando na mesma direção.

Os velhos hábitos constituem uma força com tendência a uma contínua atuação segundo a lei de causa-efeito, pela qual o ser é automaticamente constrangido a colher o fruto do que semeou.

O passado, qual quisemos vivê-lo, ressurge indestrutível no presente. Poderemos corrigi-lo com novos impulsos da nossa vontade, mas não aniquilá-lo, porque um impulso, uma vez lançado, não pode ser detido nos seus efeitos, até que estes se esgotem.

Livro: Princípios de uma Nova Ética

http://www.ebookespirita.org/PietroUbaldi/PrincipiosdeumaNovaEtica.pdf

Faça seu comentário e participe de nosso grupo de estudos.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s